quinta-feira, junho 24, 2021
Home > Notícias > Funcionários da embaixada da Polônia recebem indenização por perdas salariais

Funcionários da embaixada da Polônia recebem indenização por perdas salariais

MG_8431-700x448Os trabalhadores da embaixada da Polônia, que ficaram cinco anos sem receber reajuste salarial, foram indenizados nessa quarta-feira (20). A indenização equivale às perdas salariais do período de janeiro de 2009 a julho de 2014.

“Essa conquista foi resultado da união da categoria. Quando todos são filiados ao sindicato e lutam em cumplicidade, conseguimos alcançar nossos objetivos. Foram cinco anos batalhando, avançamos e vamos avançar mais”, avalia Raimundo Luis de Oliveira, presidente do Sindnações, sindicato que representa os funcionários da embaixada.

Segundo o Sindnações, a indenização paga representa a admissão de erro na correção dos salários. Portanto, se o salário não seja corrigido com base no IPCA do período indenizado, novas dívidas para futuras indenizações estão sendo geradas.

O cálculo realizado para indenização de perda salarial teve como base de cálculo o Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA) divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatistica-IBGE, já acrescido do Fundo de Garantia por Tempo de Serviços-FGTS. O valor total da indenização foi de R$ 215.551,22, distribuídos aos funcionários conforme o salário e tempo de serviço de cada um.

As indenizações variaram de R$ 16.365,14 a R$ 52.937,12 que cada trabalhador recebeu pessoalmente do embaixador Andrzej Maria Braiter.

Para os trabalhadores a indenização veio em boa hora, explica Leon Pakula. “Foi muito bom receber essa indenização, pois, sem esses reajustes e com alta inflação, nós ficamos endividados, tendo que arcar com gastos com escola, livros para os meus filhos, alimentação. Agora estou aliviado. Vou pagar minhas dívidas e vou poder dormir tranquilo”, explica.

Secretaria de Comunicação da CUT Brasília

Um comentário em “Funcionários da embaixada da Polônia recebem indenização por perdas salariais

  1. Quero parabenizar todo trabalho empenhado pelo sindicato por nossa categoria!
    Fico feliz pelo resultado positivo conquistado pelo funcionários da embaixada da Polônia.
    Eu passo pelo mesmo problema e outros mais… tenho quase 300 horas extra acumuladas e vários dias sem tirar hora de almoço e 4 anos sem reajuste salarial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *